Falta empatia 

Em setembro do ano passado, a gasolina no Piauí custava R$ 4,60 o litro, com o dólar a R$ 5,40 e o Barril de Petróleo a U$ 40 dólares.

Hoje, temos a gasolina a R$ 6,99, com o dólar a R$ 5,70 e o barril de Petróleo a U$ 80 dólares. O custo de produção do Barril de Petróleo no Brasil é 25 dólares, mas, a PPI (Política de Paridade Internacional), remete a possibilidade de que, em 2022 tenhamos novamente o barril a 100 dólares, como na crise americana em 2011, que no Brasil não surtiu efeitos, pois o Governo Federal não se submetia a Política de Cotações Internacionais (dolarização), do nosso petróleo. Agora, a previsão é que o litro da gasolina chegue a R$ 10,50. Produzimos 96% do petróleo que consumimos, apenas 4% é importado como blend de mistura.

O Brasileiro que defende paridade internacional, tem que lembrar que combustível é a energia pra produção e distribuição de tudo em um país de escoamento rodoviário. Acionistas estão rindo à toa com Paulo Guedes e companhia, já o povo tá destruído. Em Fortaleza, já se vê cenas de brasileiros pegando comida em carro de lixo, falta empatia e senso de realidade a quem defende essa política de paridade.

Dê sua opinião:

Tópicos